sexta-feira, 19 de abril de 2013

Se peludo late muito??


Muitos clientes me procuram para tentar resolver problemas de latidos excessivos dos seu peludos. Uma coisa que noto em quase todos os casos é que a maioria dos donos não procuram saber o motivo real do latido dos seus peludos e, nesse momento, dar bronca no cão pode fazer ele ficar sem entender nada e ainda piorar o comportamento dele.

O mais importante nesse comportamento é entender que os cães latem e se latem, geralmente é por algum motivo.

Um dos latidos mais comuns é aquele em que o peludo dá para avisar sobre algo que está acontecendo. Ou seja, ele late por ver que alguém estranho está por perto, ou algum potencial agressor, invasor ou até mesmo um rival está se aproximando do seu teritório. E com isso, o cão late para avisar a matilha e ao seu líder que algo está acontecendo.

Se dermos bronca nesse momento com palavras fortes e curtas como quieto, nao pode e etc, o peludo vai entender isso como sons de latido também, já que ele não fala a nossa língua e portanto irá achar que esse comportamento está correto e ele vai latir mais ainda. Essa conduta do dono para o cão, siginifica que existe realmente um perigo, já que o líder (você), também começou a latir. E por isso, geralmente os peludos latem mais e mais.

Se quer diminuir esses latidos em excesso, simplesmente quando seu cão latir e você estiver presente ou por perto, vá até o local para certificar o motivo do latido e se caso os motivos do latido não forem muito óbvios, como latidos para o carteiro ou para uma pessoa que simplesmente passou na rua, ou até mesmo um gato que passou pela janela, chame o peludo para perto de você, afastando-o do objeto de interesse, ou seja, porta, janela e etc. Faça um agrado no peludo e diga de uma forma suave que está tudo bem. Por incrível que pareça, esse tipo de postura basta para que seu cão perceba que o líder está calmo, confiante e tranquilo e com certeza os latidos passam a diminuir durante os dias seguintes.

Nunca se esqueça que os cães foram criados para latir, portanto, quando eles latem, geralmente estão certos de que algo está acontecendo, pois dificilmente eles se enganam. O problema é que treinamos os peludos para latir, sem perceber que estamos fazendo isso. Para corrigir certas posturas como o latido excessivo, observe a si mesmo e veja o quanto você incita e autoriza esse comportamento. O líder sempre verifica quando um seguidor aponta o perigo. Seja calmo, silêncioso e tenha liderança, pois o cão verá que você foi verificar o problema, sem "latir" junto com ele.

Um comentário:

  1. Adorei, vou aplicar na Mel.
    Beijos.
    Maria S Costa Gomes

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...